quinta-feira, 3 de junho de 2021

107ª Compra - SHUL4

 Investimento do mês: Shulz PN


Adquiri 149 unidades a R$ 10,94 o exemplar.

O valor investido ficou acima da média devido a venda da posição em Ultrapar.



Proventos recebidos em maio:



Composição da carteira:



Desempenho:



Pizza:



Evolução patrimonial (novo recorde):



Histórico de proventos recebidos e aporte (mensal):



Histórico de proventos recebidos e a receber (anual):



Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos! Viramos o mês e cá vamos nós para mais uma atualização deste humilde projeto amador de investimentos.

E contrariando as estatísticas, o mês de maio foi bem positivo. O "sell in may and go away" não prevaleceu e o desempenho da carteira ficou em 9,67% no mês e, com isso, positivei no ano: +7,57%. 

No tocante ao recebimento de dividendos, maio também foi generoso: R$ 182,66 de proventos. Considerando o que está provisionado e o que já entrou no ano, faltam R$ 195,36 para superar os R$ 692,59 de 2019. Acredito que chegarei lá pois ainda estamos na metade do ano.

Falando em renda passiva, o mês que mais recebi proventos foi em dezembro de 2019. Este número segue a ser batido, porém este mês de maio foi o melhor da história do projeto.


Em relação ao meu desafio de virar o ano com 100 Tupy, 500 Bradesco, 200 Ambev e 100 TRPL3, vai ficar ousado de alcançar o objetivo uma vez que as ações subiram muito nos últimos dias. Todavia, como estamos nos aproximando do período eleitoral, eu penso que oportunidades poderão surgir, visto que tem candidato de esquerda liderando as pesquisas de intenções de voto. 


Este mês fiz uma alteração na carteira. Troquei a Ultrapar pela Schulz. O racional da venda da posição na Ultrapar está embasado na estagnação dos resultados e a venda da Oxiteno. E o que motivou a migrar este recurso para Schulz, é que a empresa fornecedora mundial de equipamentos de ar comprimido é uma small cap que está em franco crescimento. Abaixo um comparativo de rentabilidade das duas empresas que embasa a troca da posição:



Entendo que a estratégia de Schulz é mais focada em crescimento e que não posso esperar um retorno de dividendos muito relevante (a média do payout de 2018 e 2019 ficou abaixo de 20%). Outro fator que tem de ser considerado é o fato das ações On não terem liquidez. Mas salvo isso, pelo que tenho acompanhado no histórico, ela não tem práticas que lesem o acionista minoritário. Mas vou seguir acompanhando e acumulando quando assim que possível. 

Para este mês era isso que gostaria de compartilhar com vocês.

Reforço o recado para me acompanharem no Instagram e YouTube:

https://www.instagram.com/investidormiserave/

https://www.youtube.com/channel/UCYxoSK4FgwhC86XQcv6nsAw

Abraços efusivos e até o próximo mês!

segunda-feira, 17 de maio de 2021

106ª Compra - BBDC3

Investimento do mês: Bradesco ON


Adquiri 12 unidades a R$ 23,02 o exemplar.



Proventos recebidos em abril:


 Composição da carteira:



Desempenho:



Pizza:



Evolução patrimonial:



Histórico de proventos recebidos (mensal) e aporte:



Histórico de proventos recebidos (e a receber):



Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos! O mês de abril se foi (faz tempo) e só hoje consegui atualizar o meu humilde projeto de investimentos. 

Tardamos, não falhamos e vamos ao que interessa: a rentabilidade do mês de abril ficou em -1,62%. O patrimônio se manteve acima 21k e no tocante aos proventos recebidos entraram apenas os trocados que o Bradesco paga todos os meses. 

Falando em Bradesco, neste mês tivemos a bonificação de 10% em novas ações. Com isso eu chego a 482 ações e faltam apenas 18 para alcançar o objetivo do ano. 



Todavia, comparando com o mês passado, as cotações se valorizaram e, para eu alcançar o objetivo proposto no início do ano, vão faltar alguns reais para chegar lá. Porém, ainda estamos em maio e mais dividendos vão entrar ao longo do ano. Eu penso que a medida que o Banco Central liberar o payout acima de 25% para os bancos, o Bradesco tem viés de pagar algum provento mais generoso. Mas enquanto isso não ocorre, seguirei focado nos aportes e reinvestindo religiosamente os dividendos.

Para este mês era isso que gostaria de compartilhar com vocês.

Queria reforçar o recado para me acompanharem no Instagram e YouTube. 

https://www.instagram.com/investidormiserave/

https://www.youtube.com/channel/UCYxoSK4FgwhC86XQcv6nsAw

Abraços efusivos, desculpem a demora na postagem desta edição e até o próximo mês!

sábado, 3 de abril de 2021

105ª Compra - BBDC3

 Investimento do mês: Bradesco ON


Adquiri 18 unidades a R$ 23,08 o exemplar (compra maior devido a venda da posição em Braskem).



Proventos recebidos em março:





Composição da carteira:



Desempenho:



Pizza: 



Evolução patrimonial (novo recorde):



Histórico de proventos recebidos (mensal) e aporte:



Histórico de proventos recebidos (e a receber):



Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos! Viramos o mês e cá estamos nós para mais uma atualização deste humilde projeto amador de investimentos.

No mês de março tive valorização de 9,03% no patrimônio. Com esta variação positiva retomei o patamar acima dos 20k e alcancei novo recorde em termos patrimoniais (fechei o mês em R$ 21.530,66). 

A compra do mês ficou um pouco maior em razão da venda da posição em Braskem. Aproveitei que a cotação ficou no lucro, vendi e posicionei em Bradesco. Optei por comprar o Bradesco em virtude do meu objetivo de comprar 100 ações por ano, conforme comentei nos posts anteriores. Com a compra deste mês os objetivos para 2021 ficaram assim:


Ainda tenho mais 9 compras no ano de R$ 220 para fazer ao longo do ano. Acrescentando os dividendos provisionados vai faltar pouco mais de R$ 150 para alcançar o objetivo. Esta diferença estimo conseguir com os dividendos que ainda vão entrar. 

Como é satisfatório sentir o efeito dos juros compostos. Apesar de 2020 ter sido um ano atípico, o montante de proventos recebidos este ano foi superado. E considerando 2019 (que foi o recorde - R$ 692,59) considerando o saldo provisionado + os proventos recebidos ultrapassei metade do total recebido de 2019. E faltaria R$ 216,30 para superar essa cifra. 

Não estamos nem na metade do ano e alcancei mais da metade do total de proventos recebidos no melhor ano do projeto. Presumo que esta diferença vai vir do Bradesco (quem sabe sai mais um dividendo em julho), Ambev (no final do ano) e Transmissão Paulista (usualmente paga proventos em novembro). E quem sabe a Grendene e a Tupy também não surpreendem?

Para este mês era isso que gostaria de compartilhar com vocês, meus amigos. 

Abraços efusivos, bons investimentos e até o próximo mês!

quinta-feira, 4 de março de 2021

104ª Compra - TUPY3

 Investimento do mês: Tupy ON


Adquiri 20 unidades a R$ 21,45 o exemplar. 



Proventos recebidos em fevereiro:


Composição da carteira:


Desempenho:


Pizza:


Evolução patrimonial:


Histórico de proventos recebidos (mensal) e aporte:


Histórico de proventos recebidos e a receber (anual):



Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos! O mês de fevereiro se foi e cá estamos nós para mais uma atualização deste humilde projeto amador de investimentos. 

Assim como janeiro, fevereiro pedalou, pedalou e escapou a correia da bicicleta. O meu desempenho ficou em -3,64% e eu retornei abaixo do patamar dos 20k. O lado positivo disto é que as oportunidades voltaram e a probabilidade de eu alcançar a minha meta proposta no início do ano aumenta. 

Sei que ela é ousada mas gostaria de encerrar 2021 com 200 ABEV3, 500 BBDC3, 100 TRPL3 e 100 TUPY3.
 

Farei 10 aportes de R$ 220 no decorrer do ano. Isso importa num montante de R$ 2.200. Faltaria mais de R$ 500 para alcançar a meta. Até o momento, tenho provisionado mais de R$ 200 de dividendos. Ainda faltaria R$ 300. Acredito que recebo mais uns R$ 200 (no mínimo) até o final do ano. Então, se as cotações se mantiverem nos patamares atuais, eu penso que, se não conseguir alcançar o objetivo na plenitude, não vai faltar muito para chegar lá. 

Contudo, caso as cotações se valorizem além do esperado, a evolução patrimonial vai chegar a patamares nunca alcançados. Essa é uma das grandes vantagens de focar em longo prazo: tem como ficar feliz em todos os cenários. É só incorporar a filosofia de sócio que mais cedo ou mais tarde o resultado vai vir. 

Para este mês era isso que gostaria de compartilhar com vocês.

Aproveito para convidá-los para me acompanharem no YouTube e no Instagram.

Abraços efusivos, bons investimentos e até o próximo mês!

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

103ª Compra - ABEV3

 Investimento do mês: Ambev ON


Adquiri 18 unidades a R$ 15,51 o exemplar.



Proventos recebidos em janeiro:



Composição da carteira:


Desempenho:



Pizza:


Evolução patrimonial:


Histórico de proventos recebidos (mensal) e aporte:


Histórico de proventos recebidos e a receber (anual):


Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos. Concluímos 1/12 do ano e, como de costume, cá estamos nós para mais uma atualização deste humilde projeto amador de investimentos.

Janeiro se foi e levou a minha rentabilidade, o desempenho do mês foi de -5,27%. O resultado é desconfortável mas é compreensível: novembro e dezembro subiu com muita força e agora tem gente colocando o lucro no bolso. 

Todavia, apesar da desvalorização consegui virar o mês acima dos 20k (R$ 20.044,79).

No tocante aos proventos recebidos, para a minha satisfação, pela segunda vez superei o patamar dos R$ 200 de dividendos em um mês. Boa parte desse rendimento veio do Bradesco (minha maior posição).  

Falando em Bradesco, há pouco vi um fato relevante anunciando a assembleia que propõe bonificação de 10% em novas ações.


Para quem é novo por aqui, um dos meus objetivos é acumular 100 ações por ano do Bradesco utilizando o benefício da bonificação de ações. Com as 409 ações que tenho, preciso de comprar "apenas" 50 ações para fechar o ano com 500 ações. A diferença que falta vai vir das novas ações que o BBDC3 vai bonificar. 

E por mais que haja o desconto de 10% na cotação eu considero isso uma oportunidade. Considerando o preço de hoje, com a bonificação a cotação deve vir abaixo dos R$ 20. E com a cotação nestes patamares eu consigo comprar (no mínimo) 10 ações por mês. Como o planejado é alcançar 50 ações, em 5 meses o objetivo estará alcançado. 

Abaixo eu falo mais sobre a minha estratégia de alcançar 1.000 BBDC3.


Para este mês era isso que gostaria de compartilhar com vocês.

Reforço o convite para me acompanharem no YouTube e Instagram.

Abraços efusivos, bons investimentos e até o mês que vem!

segunda-feira, 4 de janeiro de 2021

102ª Compra - ABEV3

 Investimento do mês: Ambev ON


Adquiri 16 unidades a R$ 15,69 o exemplar.



Proventos recebidos em dezembro:


Composição da carteira:


Desempenho:


Pizza:


Evolução patrimonial:


Histórico de proventos recebidos (mensal) e aporte:


Histórico de proventos recebidos e a receber (anual):




Bom dia, boa tarde, boa noite, estimados amigos! Como de costume, viramos o mês e cá estamos nós para mais uma atualização deste humilde projeto amador de investimentos. 

E vamos ao momento retrospectiva de 2020, mais precisamente em janeiro quando fiz a seguinte projeção: "No tocante ao esperado para o final de 2020, considerando o momento 'gravidade para cima' da bolsa, imagino até o final de dezembro o patrimônio esteja superior a 25k. Quanto ao total de dividendos recebidos para 2020, penso que o valor alcançado em 2019 será superado." 

Mal sabia eu o estrago que a pandemia causaria no mundo. O embasamento da minha previsão se alicerçou nas projeções dos analistas que estimavam a bolsa nos patamares dos 150 mil pontos. E com relação a expectativa dos dividendos recebidos em 2020, o total alcançado ficou abaixo da metade de 2019. 

O exercício de planejar e checar o que foi realizado desenvolve a habilidade de ser mais compreensível consigo mesmo. Ao invés de ficar frustrado com a projeção longe do objetivo esperado, depois de verificar o racional da análise, entendi que foi algo sistêmico que não estava na radar de ninguém. 

Estimar resultados futuros em renda variável é muito ousado, pois são muito fatores que não dependem das nossas forças. E até os profissionais da indústria de investimentos (com todas aquelas certificações dificílimas de conquistar) erram com relativa frequência.

Mas nada impede de divagar algumas cifras: fechei 2020 com o patrimônio de R$ 20.940,37. Considerando os 12 aportes de R$ 220 (R$ 2.640,00) mais os dividendos (acredito alcanço a cifra de uns R$ 500 - no mínimo) estimo fechar 2021 com patrimônio nos patamares dos 24k. 

Seguindo as divagações, no tocante a quantidade de ações espero chegar em dezembro com:
200 ABEV3 (faltam 45 ações)
454 BBDC3 (faltam 45 ações)
100 TRPL3 (faltam 32 ações)
100 TUPY3 (faltam 39 ações)

Entendo que se a força compradora seguir forte a maioria destes números não serão alcançados. Mas nada impede que eu ajuste os aportes para alguma outra empresa que esteja mais descontada caso as cotações destas empresas citadas acima subam muito. 

Veremos como ficará o resultado em dezembro. Acredito que, ou eu chego lá com o patrimônio próximo dos 25k ou eu consigo alcançar essas quantidades de ações na custódia. Mas os dois eu penso que não há possibilidade de realizar. E se puder escolher, prefiro comprar mais ações do que ter valorização patrimonial. 

Para este mês era isto que gostaria de compartilhar com vocês. 

Quero reforçar o convite para me acompanharem  nas redes. 

 Instagram https://www.instagram.com/investidormiserave/


 YouTube https://www.youtube.com/channel/UCYxoSK4FgwhC86XQcv6nsAw/featured


Abraços efusivos, bons investimentos, próspero 2021 e até o próximo mês.